Calendário de atividades em apoio ao Pinheirinho no estado de São Paulo

Estou preparando um post para cá sobre o que vivi por São José dos Campos nestas últimas semanas, quarta e ontem estava em Porto Alegre e acompanhei a entrega de um documento articulado entre movimento sindical, estudantil e popular que estavam participando do Fórum Social Temático para a presidente Dilma. Quem recebeu o documento foi o secretário-geral da presidência.

Na próxima semana haverá uma audiência pública na Câmara de Vereadores de São José dos Campos no dia 30 de janeiro às 19 horas, na ALESP no dia 1 de fevereiro haverá uma outra Audiência Pública  chamada pela Comissão de Direitos Humanos da Assembléia às 14h e no dia 2 de fevereiro foi chamado um ato nacional em São José dos Campos.

Segue abaixo a carta entregue ontem para a presidente:

Porto Alegre, 26 de janeiro de 2012.

Senhora Presidenta:

A sociedade brasileira acompanhou o massacre ocorrido no Pinheirinho, em São José dos Campos, no domingo, 22 de janeiro. O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, do PSDB, ordenou a invasão desse bairro por um forte aparato policial que contou com dois mil soldados da PM além de helicópteros, bombas de gás e outras armas, inclusive letais, para expulsar trabalhadores pobres de suas casas. Esta ação criminosa passou por cima da decisão do Tribunal de Justiça Federal, que havia mandado suspender a desocupação.

A violência desta operação remete para a lembrança de outros episódios sangrentos que envergonham os brasileiros, como o massacre dos trabalhadores sem terra em Eldorado dos Carajás (PA), quando 19 trabalhadores rurais foram brutalmente assassinados. Também foi assim no massacre de Corumbiara, quando 12 camponeses foram mortos pelas forças de repressão.

Neste momento, em que os tratores da prefeitura destroem casas e a polícia reprime a resistência, nós, militantes de vários movimentos sociais, reunidos em Porto Alegre, colocamos o Pinheirinho na pauta do FST 2012. Durante nossas manifestações e divulgação pudemos sentir o amplo apoio dos participantes deste Fórum em solidariedade ao povo do Pinheirinho.

Assim, estamos nos dirigindo a Vossa Excelência para que tome uma providência imediata. A única saída é a desapropriação do terreno. Esta medida, além de justa, é perfeitamente possível. Não se pode ficar assistindo cenas horríveis de destruição de casas de pessoas honestas e trabalhadoras que vivem nesta comunidade há aproximadamente dez anos. Caso a desapropriação não ocorra imediatamente, as casas serão todas destruídas e as mais de 1.500 famílias do Pinheirinho engrossarão a fila dos milhares de trabalhadores que vivem o drama da falta de moradia.

Em um país com graves problemas sociais relacionados à habitação, milhares de famílias assistem suas moradias sendo derrubadas pelos tratores da prefeitura administrada pelo PSDB. De um lado, os rostos das mães do Pinheirinho, desesperadas sem ter para onde ir com seus filhos. De outro a cara sorridente do bandido bilionário Nagi Nahas. Logo, o terreno será entregue para a especulação imobiliária, que certamente doará milhões de reais para as campanhas eleitorais de Alckmin e Kury.

As organizações que assinam esta carta e os trabalhadores do nosso país esperam que a Senhora, como Presidenta, resolva o gravíssimo problema social do Pinheirinho, desapropriando o terreno e destinando-o aos moradores. Neste sentido, a Senhora teria amplo apoio popular para reverter esta ação criminosa e repressiva que ocorre em São Paulo.

Atenciosamente,

CPERS/Sindicato – CSP/Conlutas – CUT/RS – Intersindical – FENASPS – SINDISPREV/RS – SINDICAIXA – SINDPPD/RS – SIMPE/RS – SINDJUS/RS – Sindicato dos Correios RS – SINDIÁGUA/RS – SINDSEPE/RS – Federação dos Metalúrgicos RS – Sindicato dos Metalúrgicos de Canoas – ASSUFRGS – SIMPA – Sindicato dos Comerciários de Santa Cruz do Sul – Sindicato dos Municipários de Santa Cruz do Sul – Sindicato dos Vigilantes de Santa Cruz do Sul – ANEL – UESC – DCE/UFRGS – Juntos-Juventude em Luta – Grêmio do Julinho – Barricadas Abrem Caminho –  Unidos para Lutar – PSTU, CS, CEDS, PSOL.

Responder a Calendário de atividades em apoio ao Pinheirinho no estado de São Paulo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s