Urgências

Urge o tempo para não pegar um trânsito na Av. Paulista, urge a vontade de deitar na relva e tomar sol durante uma tarde de quarta-feira, urge a delícia de encontrar os teus olhos, urge a rapidez dos dedos deslizando pelo teclado do computadores, urge o sonho de chegar à lua, urge o canto dos pássaros em meio ao barulho das buzinas dos carros, urge pegar o carro e ouvir música até os tímpanos estourarem, urge um final de semana do lado do riacho molhando a ponta dos dedos, urge pintar a boca com urucum pra depois deixar marcas pelo teu rosto, urge jogar bola segunda-feira a noite, urge deitar numa rede grande e ficar se embalando até dormir, urge um passeio pela praia, urge encontrar tempo pro todo, urge não machucar as pessoas, urge encontrar um fino galho para poder segurar, urge o vento lambendo o rosto, urge a vontade de piruetar por aí…

Tudo apenas urge e no final cala ali dentro.

Uma resposta para Urgências

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s