Virações de meio de noite

Precisava virar animação, pois aí não seria só filme! Seria mais, seria um filme animado.

Teria longas asas laranjas feitas de vitral, uns olhos amendoados cor marrom bem vivo, um sorriso que rasgasse o rosto, a cabeça inteira e a todos que estivessem ao meu redor.

Virar animação para poder me reinventar e ser tudo o que eu não sou… De dia uma boa jornalista cultural, durante a noite uma fada laranja. É meio Clark Kentiano, mas funcionaria para mim, pelo menos creio nisso.

O meu novo eu seria muito inteligente, articulado, cativante, sedutor, simples e de sorriso fácil, um ser apaixonante e agradável.

É mais fácil inventar alguém feito de papel, tinta e traços do que me encarar frente ao espelho e ver que não sou quem eu gostaria de ser…

Imagem tirada de:

Responder a Virações de meio de noite

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s