Decadência em Santos, mas quem perdeu a cabeça mesmo foi a Nazica.

Andava pela zona portuária decadente de Santos e me sentia tão decadente quanto o lugar… Descrever como foi o último final de semana em seus mínimos detalhes e com um tempo narrativo interessante não seria muito fácil para um ser esgotado como eu maturar as palavras.

Na verdade, acho que o tema deste post deve ser muito mais voltado para um acontecido da minha terra do que para o Epecom deste final de semana. Então aqui termino o prelúdio básico sobre ter sentindo a minha decadência em Santos e estar esgotada por causa do Epecom.

Aproximadamente umas 16h estou no MSN e vejo uma amiga entrar com um nick estranho: “Salve Nossa Senhora da cabeça quebrada”, quem já foi ao “Círio de Nazaré” em Belém sabe que “Salve Nossa Senhora de Nazaré” é um dos ditos mais falados durante as peregrinações da santa. Voltemos, abri uma janelinha de conversa com a minha amiga e perguntei o que havia acontecido com a santa.

Para conseguir mais informações entrei no Portal ORM e encontrei o seguinte:

Homem destrói imagem de N.Sra. de Nazaré


Um homem invadiu o santuário do Centro Arquitetônico de Nazaré(CAN), destruiu o vidro de proteção e a imagem de Nossa Senhora de Nazaré. O prejuízo material é estimado em R$ 8 mil.

Eram 2h45 da manhã quando um homem pulou a grade de proteção do santuário e quebrou o vidro que protege a imagem. Depois que conseguiu entrar, ele passou a destruir, também, a imagem da santa, usando uma faca e uma barra de ferro. ‘O prejuízo foi quase total. A imagem foi partida em vários pedaços’, explicou o delegado Roberto Moraes, diretor da Central de Flagrantes, onde o caso foi registrado.

Na polícia o homem se apresentou como Maurício Oliveira do Nascimento, 29 anos. Segundo o delegado, ele é morador de rua e é conhecido por ameaçar os fiéis da igreja. ‘Já recebemos várias reclamações de fiéis e da própria Basílica. Ele estaria ameaçando e assaltando as pessoas que freqüentam a igreja’, diz Moraes.

O acusado foi encaminhado para exame mental no IML. ‘Ao ser interrogado ele dizia frases desconexas’, diz o delegado. Ele será enquadrado pelo crime depredação do patrimônio histórico. O Círio e todos os seus elementos, inlcuindo o Santuário, são tombados pelo Patrimônio Histórico Nacional. A pena para este tipo de crime é de 1 a 3 anos.

Em entrevista à TV Liberal o pároco da Basílica, Padre Sílvio, lamentou o fato. ‘Não foi tanto pelo prejuízo, mas pela agressão à nossa fé’, disse.

A imagem destruída é uma réplica da usada no Círio e fica disponível para visitação no Santuário durante o ano todo. Ela não é tombada pelo Patrimônio Histórico.

Estou ultrajada, não por ser católica, pois não sou, mas por terem ferido uma tradição da minha terra. Pelo menos ele foi preso, se não seria açoitado em praça pública por tal ato! É… acho que esse ano chove no Círio.

Uma resposta para Decadência em Santos, mas quem perdeu a cabeça mesmo foi a Nazica.

  1. Mi

    Católico ou não, é uma puta falta de respeito com a crença alheia…. sem comentários né?
    Bjos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s